terça-feira, 19 de maio de 2015

Venceu, mas não convenceu - Valeram os 3 pontos

Dois jogos, duas vitórias, 6 pontos e liderança isolada do Brasileirão. Parece estar tudo ótimo, mas a realidade não é tão tranquila quanto parece. Se analisarmos os últimos jogos, constatamos que desde o 1º tempo do jogo contra o Santos no campeonato Paulista, o futebol do Corinthians sumiu e pelo que apresentamos nos dois jogos do Brasileiro, apesar das vitórias, continuamos devendo futebol.
O jogo contra o Chapecoense em Araraquara foi o anti jogo, o anti futebol. O Corinthians começou bem, parecia até recuperar o bom futebol do início da temporada, mas, passados 20 minutos, o time abdicou da bola e se não fosse o gol achado do Fábio Santos, com desvio na cabeça do Mendonza, enganando o goleiro Danilo, o jogo teria acabado em 0 a 0. Mesmo jogando contra um time técnica e estruturalmente inferior, não conseguimos criar nem acertar o gol.
Foi um jogo triste de ver, de um time sem pegada, sem poder de criação e sem objetividade nas finalizações. Um jogo feio, sonolento, com má atuação dos jogadores, com o Guerrero isolado no ataque, com um esquema tático manjado, sem variações de jogadas e com os atletas perdidos em campo. As substituições não conseguiram melhorar o time, que jogou muito recuado no final. Devem ter pensado: "Já que achamos um gol, vamos segurar o resultado..."
Já passou da hora do treinador arrumar o time e de encontrar alternativas ao seu esquema tático mais que manjado. Se problemas extra campo, como atraso de pagamentos ou reformulação do time, estão interferindo no rendimento dos jogadores, que a diretoria tenha competência para resolvê-los. Que se decida quem fica e quem sai, que paguem o que devem e se dê tranquilidade para o time trabalhar e voltar a jogar futebol. E se quiserem que a torcida pare com as cobranças, que cada um faça a sua parte e parem de mi mi mi e de desculpas esfarrapadas. 
Melhores momentos
Ficha Técnica - Corinthians X Chapecoense
Local: Estádio Fonte Luminosa, em Araraquara (SP)
Data: 16 de maio de 2015 (sábado)
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (PE)
Assistentes: Clóvis Amaral da Silva e Albino Andrade Albert Júnior (ambos de PE)
Quarto Árbitro: Marcio Henrique de Gois - SP
Cartões amarelos: Emerson (Corinthians); Apodi, Ananias, Bruno Silva (Chapecoense)
Gol: Corinthians:  Fábio Santos, aos 27 minutos do primeiro tempo
Corinthians: Cássio; Edílson, Edu Dracena, Gil e Fábio Santos; Ralf, Elias (Bruno Henrique), Malcom (Petros), Jadson e Mendoza (Emerson); Guerrero; Técnico: Tite
Chapecoense: Danilo; Apodi, Rafael Lima, Vilson e Dener; Bruno Silva (Hyoran), Elicarlos, Gil (Neném) e Camilo; Roger (Bruno Rangel) e Ananias: Técnico: Vinícius Eutrópio

Créditos e fontes de imagens
globoesporte.globo.com
globoesporte.globo.com
globoesporte.globo.com/youtube.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário