domingo, 16 de julho de 2017

Estamos mal acostumados

Acostumamos com as vitórias e, por isso, lamentamos o empate. Até nos esquecemos que o time é formado por seres humanos e não por robôs. E, como tal, tem seus altos e baixos e são suscetíveis a erros. E nos amarguramos com um empate como se tivéssemos sido derrotados. Tentamos nos consolar com a liderança e com a gordurinha na tabela, mas não conseguimos superar totalmente a frustração de um empate em Itaquera. Só não podemos superestimar esse tropeço, pois foi apenas um tropeção, um acidente de percurso, e nossa condição é ainda bastante favorável. Portanto, sem stress e lamúrias, para não baixar o padrão vibratório e, tal como os torcedores presentes na Arena Corinthians, vamos continuar apoiando o time na busca do hepta campeonato. 
Talvez pela ressaca da vitória e do grande jogo contra o Palmeiras, o Corinthians entrou um tanto relaxado e desconcentrado. Numa zona de conforto, praticamente, só começou a jogar após levar o primeiro gol, quando buscou a reação e conseguiu a virada. Infelizmente, levamos o empate, numa jogada em que Balbuena tentou interceptar a bola e a desviou para a própria meta. Após o empate, o Timão foi para o abafa, mas a afobação e o Weverton não permitiram uma nova virada. Fagner, Jô e Pedrinho não tiveram êxito em suas tentativas. 
Jô e Maycon, o aniversariante do dia, foram os melhores jogadores em campo. 
Não podemos atribuir o empate apenas ao relaxamento do time no início do jogo. A pouca pressão na marcação e o espaço dado ao adversário foram fruto das mudanças no time, decorrentes de lesão (Pedro Henrique no lugar de Pablo) e suspensões (Moisés e Marquinhos Gabriel em substituição a Arana e Rodriguinho). Sem rimo de jogo e desentrosados com os titulares, apesar da boa atuação, os jogadores que entraram não tiveram o mesmo desempenho que os substituídos e o jogo coletivo teve uma queda de rendimento. Erramos muitos passes (49), finalizações (9), cruzamentos (23) e lançamentos (23).
Com o resultado, o Corinthians continua na liderança do campeonato com 36 pontos, 11 vitórias, 3 empates e 86% de aproveitamento, oito pontos à frente do Grêmio, o segundo colocado. 
Na próxima quarta feira, 19/07, às 21:00 horas, o Corinthians enfrentará o Avaí, na Ressacada, em Florianópolis, e na quinta feira, 20/07, às 21 horas, o Atlético-PR receberá o Botafogo-RJ, na Arena da Baixada, em Curitiba.

Créditos e fontes de imagens 
globoesporte.globo.com-Marcos Ribolli/globoesporte.globo.com 
Djalma Vassão/Gazeta Press/gazetaesportiva.net-Luis Moura/Gazeta Press 

Nenhum comentário:

Postar um comentário