quarta-feira, 1 de março de 2017

Brusque X Corinthians - Copa do Brasil

Pela segunda fase da Copa do Brasil, o Corinthians foi para Santa Catarina enfrentar o Brusque nessa quarta feira, 01/03, às 21:45 horas, no estádio Augusto Bauer, em Brusque, SP. Dono da melhor campanha do Campeonato Paulista, o Timão terá por adversário o vice líder do Campeonato Catarinense, que eliminou o Remo na primeira fase, da Copa do Brasil vencendo por 2 a 1. O Corinthians, na primeira fase, eliminou o Caldense, ao vencê-lo por 1 a 0. 
Pelo regulamento, passa para a fase seguinte o time que vencer a partida. Se der empate, a decisão vai para os pênaltis.
Ficha Técnica - Brusque X Corinthians
Local: Estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC)
Data: 1º de março de 2017, quarta-feira
Horário: 21:45 horas (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez - PE (CBF)
Árbitro Assistente 1: Marcelino Castro de Nazaré - PE (CBF)
Árbitro Assistente 2: Bruno Cesar Chaves Vieira - PE (CBF)
Quarto Árbitro: Edson da Silva - SC (CBF)
Brusque: Rodolpho; João Carlos, Willames José, Neguete e Willian; Carlos Alberto, Boquita, Leílson e Eliomar; Ricardo Lobo e Jônatas Belusso; Técnico: Pingo 
Corinthians: Cássio, Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel; Romero, Fellipe Bastos, Maycon e Léo Jabá; Kazim; Técnico: Fábio Carille
No Corinthians, além dos escalados, também foram relacionados os goleiros Matheus Vidotto e Caíque França, o lateral Léo Príncipe, os zagueiros Pedro Henrique e Vilson, os volantes Paulo Roberto e Marciel, os meias Jadson, Giovanni Augusto e Pedrinho, e o atacante Jô. Estão fora Walter, Danilo, Rodriguinho, Guilherme, Marquinhos Gabriel e Marlone. 
As grandes novidades estão no banco de reservas, os meias Jadson e Pedrinho.
Carille promoveu três mudanças em relação à equipe que venceu o Mirassol. Fagner e Balbuena entram no lugar de Léo Príncipe e Pedro Henrique e Romero no lugar de Jô. O esquema tático, também mudou. Ao invés do 4-4-2 do jogo anterior, volta o 4-1-4-1, com Fellipe Bastos e Maycon liberados para ajudar na criação e com Kazim mais à frente no ataque. 
No último treino, no palco do jogo, com a presença de cerca de três mil pessoas na arquibancada, o técnico definiu o time e fez os últimos ajustes na equipe. Em entrevista coletiva Carille prometeu “marcar pressão, sair no campo do adversário, trocar bastante posse de bola, valorizar a posse de bola e quando, tiver a oportunidade, fazer o gol”. 
O time do Brusque, vice líder do catarinense, que perdeu apenas um jogo, para o Avaí, é um time ofensivo, com a média de dois gols por jogo e tem como características a marcação alta e a posse de bola. Seu esquema tático é o 4-4-2. Seu ponto vulnerável é o espaço nos lados do campo, em decorrência da ofensividade de seus laterais, o que favorece o contra ataque do adversário. Carille afirmou ter estudado o Brusque e assistido cinco jogos do adversário. O time da casa é comandado pelo ex-corintiano Pingo, que tem dois meio-campistas com passagens pelo clube do Parque São Jorge à disposição, Boquita e Carlos Alberto.
O Brusque conta com o fator campo para vencer o jogo e o Timão com a boa fase, a técnica e a garra de seu elenco. A grande expectativa é a reestreia do meia Jadson, após passar uma temporada na China. Sem jogar desde outubro, ele deverá entrar no decorrer da partida. O jogo tem caráter decisivo e só a vitória interessa.

Créditos e fontes de imagens
meutimao.com.br-Fabiano Linhares/CBN Diário/globoesporte.globo.com-MAON
Jamira Furlani-Avaí F.C./globoesporte.globo.com-MAON
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians-meutimao.com.br-MAON
Agência Corinthians/corinthians.com.br
twitter.com/@Corinthians 

Nenhum comentário:

Postar um comentário