quinta-feira, 2 de março de 2017

Sufoco, susto e a classificação nos pênaltis

Pênaltis
No pior jogo do ano, o Corinthians passou o maior sufoco e só conseguiu se classificar para a próxima fase da Copa do Brasil nos pênaltis e graças aos erros dos jogadores adversários. Embora o Brusque seja um time bem arrumado e bem treinado, nada justifica a má atuação alvinegra. Com três volantes e sem nenhum meia de ofício, o Corinthians quase nada criou na etapa inicial, deixando Kazim isolado na frente. Diante de um time, muito fechado, que não deu espaço, o Corinthians se afobou e não teve tranquilidade para trabalhar a bola e furar a retranca do Brusque. E, com bom preparo físico, os adversários souberam aproveitar os contra ataques, levando perigo à meta corinthiana. Carille demorou para mexer no time, que só conseguiu trabalhar melhor a bola após a entrada do Jadson, que mesmo fora de forma conseguiu melhorar a armação e a ofensividade dalvinegra. Mas, tal melhoria não se transformou em gol e a decisão foi para os pênaltis.
Jadson foi o primeiro a cobrar pelo Timão e, ao chutar para fora, quase se transformou em vilão. Mas o Timão foi salvo de ser eliminado por dois erros de jogadores do Brusque. João Carlos, que podia definir a partida para o adversário, acabou chutando a bola na trave. Jô, com a ajuda do morrinho artilheiro, deixou tudo igual no placar. Nas cobranças alternadas, o ex corinthiano Carlos Alberto errou e a cobrança de Romero garantiu a classificação corinthiana para a próxima fase. O placar final dos pênaltis foi 5 a 4 para o Timão. 
Na próxima fase o Corinthians enfrentará o Luverdense, que venceu o Avaí, também nos pênaltis. Os jogos serão realizados nos próximos dias 9 e 16 de março, respectivamente, no estádio Passo das Emas (ida), em Lucas do Rio Verde (MT), e Arena Corinthians (volta). 
Melhores momentos
Ficha Técnica - Brusque 0 (4) X (5) 0 Corinthians
Local: Estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC)
Data: 1º de março de 2017, quarta-feira
Horário: 21:45 horas (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez - PE (CBF)
Árbitro Assistente 1: Marcelino Castro de Nazaré - PE (CBF)
Árbitro Assistente 2: Bruno Cesar Chaves Vieira - PE (CBF)
Quarto Árbitro: Edson da Silva - SC (CBF)
Cartões amarelos: Eliomar, Carlos Alberto (Brusque); Gabriel, Giovanni Augusto e Fagner (Corinthians)
Pênaltis: Brusque: Jônatas Belusso, Willian, Eliomar, Ricardo Lobo; Corinthians: Giovanni Augusto, Maycon, Fagner, Jô e Romero
Brusque: Rodolpho; João Carlos, Cleiton, Neguete e Carlos Alberto; Mineiro, Boquita (Willian), Leílson e Eliomar; Ricardo Lobo e Jônatas Belusso; Técnico: Pingo
Corinthians: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Fellipe Bastos (Jadson), Romero, Maycon e Léo Jabá (Giovanni Augusto); Kazim (Jô); Técnico: Fábio Carille 

Créditos e fontes de imagem e vídeo 
globoesporte.globo.com 
youtube.com/Soccer 7i-foxsports.com.br 
youtube.com/Futebol Mil Grau live-foxsports.com.br 

Nenhum comentário:

Postar um comentário