terça-feira, 1 de agosto de 2017

Corinthians 1 X 1 Flamengo/Arbitragem - Apito inimigo

Assalto à mão armada. E a arma não era um revólver e sim uma bandeira na mão de um árbitro incompetente e/ou de má fé, referendado pelo árbitro principal. Isso é revoltante, porque não foi a primeira vez que ocorreu, interferindo diretamente nos resultados dos jogos em que temos sido prejudicados. A CBF precisa urgentemente melhorar, técnica e moralmente, seu quadro de árbitros. Não dá para aceitar que no último jogo o problema foi de visão, pois mais de três metros atrás da linha da bola é uma distância considerável. O problema não é da alçada do oftalmologista, mas de preparo técnico e/ou ético. 
Quanto ao jogo, vimos dois tempos diferentes, o primeiro dominado pelo Corinthians e o segundo pelo Flamengo. Com domínio total do jogo, Jô marcou duas vezes, mas só um gol foi validado. Na etapa final, as mudanças promovidas pelo adversário foram efetivas, obrigando nossa defesa trabalhar. A substituição por contusão do Marquinhos Gabriel por Giovanni Augusto, que não foi bem, contribuiu decisivamente pela queda do rendimento corinthiano. E o time carioca conseguiu empatar a partida. 
Merecem destaque as atuações do Jô, o melhor em campo, do Balbuena, do Fagner, do Guilherme Arana e do Cássio. O destaque negativo foi a atuação do Giovanni Augusto, que sentiu muito a falta de ritmo de jogo. 
Infelizmente, a atuação da arbitragem influiu no resultado do jogo, pois de dois gols marcados, somente um foi validado. Mas os desfalques, antes e durante o jogo, também foram decisivos na queda do rendimento do time. 
Com o resultado, o Corinthians se mantém na liderança da tabela, com 41 pontos, 12 vitórias, 5 empates, 80% de aproveitamento e conquistou, antecipadamente, o primeiro turno do Brasileirão, pois com o empate entre Grêmio e Santos, não pode mais ser alcançado pelos adversários. O Flamengo, com 29 pontos, 7 vitórias, 8 empates, duas derrotas e 57% de aproveitamento ocupa o 5º lugar no campeonato. 
Na próxima rodada, o Corinthians enfrentará o Atlético-MG, na quarta-feira, 02/08, às 21:00 horas (de Brasília), no Mineirão, e o Flamengo, no mesmo dia, enfrentará o Santos, no estádio do Pacaembu, às 21:45 horas (de Brasília). 

Créditos e fontes de imagens 
globoesporte.globo.com-blogmiltonneves.bol.uol.com.br-Twitter.com/@brunocassucci

Nenhum comentário:

Postar um comentário