segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Aqui é Corinthians Tche!

Melhores momentos
Poxa! Que decepção! O esperado treino de luxo não passou de um rachão. Cadê o Forlan e o Damião. Sumiram diante do Ralf, Paulo André e Chicão. Mas, pelo menos serviu para dar ritmo de jogo, descobrir que o lado esquerdo tem certa vulnerabilidade, para a volta do Émerson e para mostrar que no duelo dos gringos artilheiros, o nosso é muito mais guerreiro. E Guerrero.
Deu também pra confirmar que temos um Coringão no Coringão. Edenílson, multiuso, polivalente e valente, mostrou mais uma vez que quando entra sempre deixa a galera contente. 
E que belo gol! E que passe do Romarinho!
Apático e desanimado, o Internacional pouco exigiu do Corinthians e viu o adversário cadenciar a partida, trocar passes, Douglas e Danilo armarem as jogadas e a defesa anular seus atacantes. Na ausência de Bolívar, Índio não quis apito, quis tacape. Abriu a caixa de ferramentas e partiu para a pancadaria, sob o olhar beneplácito da arbitragem, que não tomou conhecimento das suas jogadas violentas.
Gols
Com dois gols, Guerrero aos 47 do 1º tempo e Edenílson, aos 45 da etapa final, voltamos de Porto Alegre com mais 3 pontos e subimos para o 5º lugar. 
Ah! se não tivéssemos ficado tanto tempo de ressaca da Libertas!
Mas, não adianta chorar pelo leite derramado. O importante no momento é treinar para chegar voando no Japão. Para isso precisamos de bons sparrings, o que infelizmente, não estamos encontrando neste final de campeonato. 
Seguro em campo, em nenhum momento o Corinthians foi ameaçado, mas, mesmo sem tirar o pé, foi menos aguerrido que no jogo anterior. Está certo que, sem poder cantar a musiquinha de praxe, a torcida gaúcha estava morna e pouco incentivou seu time, que havia acabado de perder sua última chance pra classificação para a Libertadores. E, sem nenhuma ameaça, o Corinthians tratou de tocar a bola, administrar o jogo e garantir a vitória.
No duelo dos volantes, Ralf goleou o Guinazu e entre os meias, D'Alessandro perdeu de lavada do nosso Maestro. Na zaga, Paulo André e Chicão tiraram todas. O Cássio só fez uma defesa perigosa e assistiu o jogo de camarote.
Guerrero foi o nome do jogo e Douglas, firme na batuta regeu com maestria. Danilo aparentou um certo cansaço, normal para quem está voltando de contusão, mas ajudou muito na marcação e na criação, Paulinho não foi tão brilhante como no jogo anterior, Alessandro voltando a ser o guerreiro de outrora. Do lado esquerdo, parece que o Fábio Santos ainda não se adaptou a jogar sem a cobertura do Castán e as poucas chegadas do Inter ocorreram pelo seu lado. Martínez foi outro cujo desempenho foi inferior ao jogo contra o Coxa, Romarinho mostrou que continua sendo uma ótima opção no banco e para o Émerson, só falta ritmo de jogo. Edenílson é o Coringa capaz de substituir várias cartas no jogo. E desta vez fez até uma canastra... É sem dúvida, o 12º jogador.
Com gol marcado nos acréscimos, será que vai ter mais choros e vão colocar no DVD?
Podemos colocar na fatura do freguês mais um churrasco com chimarrão e um bom vinho das Serras Gaúchas.
Vencer os chorolados no Beira Rio com o Fernandão de técnico é tri legal 
Não tem preço
Eventos
Ficha Técnica - Internacional 0 x 2 Corinthians
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS) 
Data: 18 de novembro de 2012, domingo
Horário: 19:30 horas (de Brasília) 
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ) 
Assistentes: Luiz Antônio Muniz de Oliveira (RJ) e Eduardo de Souza Couto (RJ) 
Público: 8.652 (6.950 pagantes) 
Renda: R$ 114.600,00
Cartões amarelos: Fabrício e Edson Ratinho (Internacional); Alessandro, Douglas e Chicão (Corinthians) 
Gols: Corinthians: Guerrero, aos 47 minutos do primeiro tempo; Edenílson, aos 45 minutos do segundo tempo
Internacional: Muriel; Edson Ratinho (Elton), Rodrigo Moledo, Índio e Fabrício; Ygor (Cassiano), Guiñazu, Fred e D’Alessandro; Forlan (Rafael Moura) e Leandro Damião. Técnico: Fernandão
Corinthians: Cássio; Alessandro, Chicão, Paulo André e Fábio Santos; Ralf e Paulinho, Danilo e Douglas (Edenílson); Martínez (Emerson) e Guerrero (Romarinho). Técnico: Tite

Créditos e fontes de imagens
meutimao.com.br
sportv.globo.com
esporte.uol.com.br
Ricardo Rimoli/lancenet.com.br
sportv.globo.com
globoesporte.com
globoesporte.com
vertebrais.blogspot.com.
nossovinho.com
esporte.uol.com.br
corinthians.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário