terça-feira, 23 de agosto de 2016

Virada em noite gelada

Após um susto e uma vacilada, com um gol contra do Yago, o Corinthians conseguiu o empate e a virada, mantendo a invencibilidade de 33 jogos em Itaquera, conseguindo os três pontos e voltando ao G4. Pela pouca qualidade do rival, poderia ter sido um jogo sem susto e sem sofrimento. Mas, valeu pela retomada da vitória e pelo atendimento aos apelos da torcida pela entrada do Marlone. 
No 1º tempo, o Timão sofreu muitos desarmes e pouco chegou ao campo ofensivo, além de cometer muitos erros na saída de bola. Melhorou com a entrada de Marlone, conseguindo recuperar-se na partida e no campeonato. 
Nossa maior dificuldade continua sendo no arremate final. O Corinthians teve espaço para marcar, mas não conseguiu aproveitá-los. E o goleiro adversário também fez boas defesas. Neste jogo, até finalizamos, só que nem sempre aproveitamos. Das 15 finalizações, contra 9 do Vitória, tivemos 7 chances reais de gol, enquanto os baianos tiveram duas. E marcamos apenas 2 gols a nosso favor. 
Gols
A entrada de Marlone mudou o jogo e mostrou que ele está merecendo uma sequência para se firmar como titular. Além da movimentação que propiciou ao meio campo, com cinco minutos de jogo, ele fez o gol do empate. E que golaço!!! E ainda participou da jogada do gol da virada do Marquinhos Gabriel. 
Apesar da vitória e da volta ao G4, ainda temos muitos obstáculos a vencer. Jogadores continuam saindo, os que chegarem levarão algum tempo para entrosamento, além de não sabermos qual será para eles o peso da nossa camisa. Cristóvão terá muito trabalho pela frente e, pelo que estamos percebendo, continuará pagando o preço pela omissão, irresponsabilidade e incompetência da diretoria.
Coletiva do Cristóvão
Com o resultado, o Corinthians chegou à terceira colocação da tabela de classificação, com os mesmos 37 pontos ganhos pelos flamenguistas, atrás apenas de Palmeiras (40) e Atlético-MG (38). Já o Vitória, com 23 pontos, está na 17ª posição, portanto, na zona de rebaixamento da competição. 
Pelo Brasileirão, o Corinthians enfrentará no próximo sábado, 27/11, às 16:00 horas, a Ponte Preta, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. O Vitória jogará no dia seguinte, às 18:30 horas, na Fonte Nova, contra o América-MG. 
Melhores momentos
Ficha Técnica - Corinthians 2 X 1 Vitória 
Local: Arena Corinthians, em Itaquera, São Paulo (SP)
Data: 22 de agosto de 2016, segunda-feira
Horário: 20:00 horas (de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo – RJ (ASP-FIFA)
Árbitro assistente 1: Dibert Pedrosa Moises – RJ (MAST)
Árbitro assistente 2: Thiago Henrique Neto Correa Farinha – RJ (ASP-FIFA)
Quarto Árbitro: André Luiz de Freitas Castro – GO (ESP)
Público: 20.207 pagantes (total de 20.473)
Renda: R$ 930.524,00
Cartões amarelos: Balbuena e Fagner (Corinthians); Marinho, Diogo Mateus, Vander e Marcelo (Vitória)
Gols: Corinthians: Marlone, aos 5, e Marquinhos Gabriel, aos 26 minutos do segundo tempo; Vitória: Yago (contra), aos 42 minutos do primeiro tempo
Corinthians: Cássio; Fagner, Yago, Balbuena e Uendel; Bruno Henrique (Cristian), Romero (Marlone), Rodriguinho, Elias e Marquinhos Gabriel (Giovanni Augusto); Guilherme; Técnico: Cristóvão Borges
Vitória: Fernando Miguel; Diogo Mateus (Euller), Victor Ramos, Kanu e Diego Renan; Willian Farias, Marcelo (Tiago Real) e Cárdenas (Serginho); Vander, Kieza e Marinho; Técnico: Vágner Mancini

Créditos e fontes de imagens e vídeos 
globoesporte.globo.com-facebook.com/VÍRUS CORINTHIANO- MAON 
Sergio Barzaghi/Gazeta Press/gazetaesportiva.com-Marcos Ribolli/globoesporte.globo.com-MAON 
youtube.com/Danilo Silva Gols HD-globo.com 
youtube.com/FUTEBOL SHOW-foxsport.com.br 
youtube.com/Futebol Rei-globo.com 

Nenhum comentário:

Postar um comentário