sábado, 1 de novembro de 2014

Corinthians X Coritiba

Pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Corinthians enfrentará o Coritiba, neste sábado, 01/11, às 21 horas, em sua Arena, no bairro de Itaquera, em São Paulo. Com 53 pontos na tabela de classificação, a mesma pontuação do Internacional, o 4º colocado, o Timão tem 1 ponto a menos que o Atlético-MG, o 3º colocado, 3 a menos que o vice líder São Paulo, 8 a menos que o líder Cruzeiro e dois pontos a mais que o Fluminense e o Grêmio, respectivamente, 6º e 7º colocados. O Coritiba, com 33 pontos, ocupa o 18º lugar na tabela e luta para sair da zona de rebaixamento. 
Ficha Técnica - Corinthians X Coritiba
Local: Arena Corinthians, em Itaquera, São Paulo (SP)
Data: 1º de novembro de 2014, sábado
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima - RS (ASP-FIFA)
Árbitro Assistente 1: José Javel Silveira - RS (CBF-1)
Árbitro Assistente 2: Jose Eduardo Calza – RS (CBF-1)
Quarto Árbitro: Antonio Rogério Batista do Prado - SP (CBF-1)
Árbitro Assistente Adicional 1: Francisco de Paula dos Santos Silva Neto - RS (CBF-2)
Árbitro Assistente 2: Luis Teixeira Rocha - RS (CBF-1)
Delegado: Nilson de Souza Monção - SP (ASS)
Corinthians: Cássio; Fagner, Gil, Anderson Martins e Uendel; Bruno Henrique, Elias, Renato Augusto e Danilo, (Jadson); Malcom e Luciano; Técnico: Mano Menezes
Coritiba: Vanderlei; Luccas Claro, Leandro Almeida e Welinton; Ivan, Hélder, Rosinei, Robinho, Alex e Carlinhos; Joel; Técnico: Marquinhos Santo
Além dos possíveis titulares, Mano Menezes relacionou, também, os goleiros Walter e Danilo Fernandes, os laterais Ferrugem e Guilherme Arana, o zagueiro Felipe, os volantes Ralf e Guilherme Andrade, os meias Jadson, Lodeiro e Petros e os atacantes Romero e Gustavo Tocantins.
Estão fora, no Corinthians, Fábio Santos e Paolo Guerrero, suspensos; e no Coritiba, Norberto, suspenso.
Estão pendurados, com dois cartões amarelos, no Corinthians, Anderson Martins, Elias, Gil, Luciano e Petros; e no Coritiba, Hélder, Joel, Julio Cesar, Leandro Almeida e Luccas Claro.
Mano Menezes, como de costume, não revelou a escalação e fechou parte dos treinos para a imprensa, mas na 5ª feira treinou sem Jadson e Petros e com Danilo como um falso 9 e Luciano e Malcom, abertos pelas pontas. Só não entendi porque Ralf permanece no banco e Elias, que nesta sua 2ª passagem pelo Timão não está jogando nada, ainda continua no time titular. Creio que um chá de banco seria um ótimo remédio para a sua recuperação física e técnica. Na ausência de Fábio Santos, suspenso pelo 3º cartão, Uendel deverá ocupar a lateral esquerda, deixando o time mais ofensivo, mas exigindo mais dos zagueiros e dos volantes na marcação.
No Coritiba, o técnico Marquinhos Santos deve mudar o esquema tático e a tendência é atuar com três zagueiros, dois volantes e apenas um atacante. O zagueiro Welinton, o volante Hélder e o lateral-direito Ivan devem ser as novidades da equipe nas vagas de Sérgio Manoel, Zé Love e Norberto, respectivamente, sendo que o último está suspenso.
Ambos os times, embora por razões diferentes, precisam da vitória, o Corinthians para conseguir uma vaga na Libertadores e o Coritiba para permanecer na Série A. Jogando em casa e com o apoio da torcida, o Corinthians deve ir pra cima, enquanto o Coritiba tem como prioridade não tomar gols e se contenta com o empate.
Mano Menezes, que não deverá permanecer no Corinthians no próximo ano, precisa classificar o Corinthians para a Libertadores, para que sua 2ª passagem pelo Timão, não seja considerada um grande fracasso e conta com o fator casa para não se distanciar do G4 e, dependendo de uma combinação de resultados, assumir uma melhor posição na tabela. Depois de algum tempo, com uma semana para trabalhar, desejamos um Corinthians não apenas voando em campo, mas também mais focado e determinado. Precisamos da vitória e temos condições de conquistá-la, desde que os jogadores honrem seus salários e a camisa do Corinthians.

Créditos e fontes de imagens
meutimao.com.br
meutimao.com.br
globoesporte.globo.com
Sergio Barzaghi/Gazeta Press/gazetaesportiva.net
Rodrigo Faber/globoesporte.globo.com
Marcos Bikudo/MAON

Nenhum comentário:

Postar um comentário