terça-feira, 9 de abril de 2013

Mistão quente

Melhores momentos
Mesmo com apenas três titulares, Fábio Santos, Gil e Guerrero, o Mistão do Corinthians entrou quente no jogo e saiu do Pacaembu com a vitória e com a classificação. Nossos jogadores conseguiram compensar os problemas físicos, a falta de entrosamento e os improvisos diante de um São Bernardo necessitado da vitória para se garantir na Série A.
O Timão, com oito mudanças em relação à equipe que venceu o Millonarios pela Libertadores na Colômbia, na última quarta-feira, e com um meio campo com Guilherme, Edenílson e o jovem Giovanni, foi muito pressionado pelo rápido ataque do São Bernardo. Com Douglas e Renato Augusto contundidos, Romarinho, responsável pela criação demorou para entrar no jogo, mas quando o fez, o time passou a criar as chances de gol. 
Aos 37 minutos, Jorge Henrique abriu o placar com um chute de fora da área, que resvalou no zagueiro adversário Luciano Castán.
Aos 42 minutos, Romarinho sofreu um pênalti de Dudu, batido por Guerrero e defendido pelo goleiro Wilson Júnior. Estranhamente, somente o Neto, no Terceiro Tempo, na TV Bandeirantes, comentou que o goleiro se adiantou e que o árbitro deveria voltar a cobrança. 
O peruano ficou extremamente irritado e continuou procurando o gol, o que só aconteceu aos 42 minutos da etapa final, com Guerrero finalizando após jogada de Danilo e Romarinho.
A entrada de Danilo no 2º tempo deu a posse de bola que o Timão necessitava. Decisivo, o experiente meia cadenciou e controlou o jogo, segurou a bola, acionou Romarinho em várias oportunidades e participou da jogada do 2º gol.
Três jogadores foram fundamentais na partida. Romarinho, rápido e habilidoso, movimentou-se bem, driblou, sofreu pênalti, deu muito trabalho à defesa adversária e participou das melhores jogadas ofensivas. Danilo, ao entrar, deu outra feição ao time, cadenciando o jogo, segurando a bola, dando passes precisos e armando as principais jogadas. Jorge Henrique, com muita raça e personalidade, chamou o jogo e abriu o placar com um belo chute de fora da área. Também merece destaque a atuação da dupla de zaga, Gil e Chicão.
O fato lamentável foi a contusão de Guilherme Andrade aos 23 minutos do 2º tempo, que teve uma torção no joelho, rompeu o ligamento cruzado anterior do joelho direito, deverá passar por cirurgia e ficar fora do time por 6 meses.
Com o resultado o Corinthians, com 32 pontos, oito a mais do que o Linense, primeiro time fora da zona de classificação, permanece em 5º lugar da tabela e está matematicamente classificado para as quartas de final, enquanto o São Bernardo, com 17 pontos, está em 14º e ainda corre risco de rebaixamento.
Ficha Técnica - Corinthians 2 X 0 São Benardo
Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 7 de abril de 2013 (domingo)
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcelo Prieto Alfieri
Assistentes: Giulliano Neri Colisse e Fábio Rogério Baesteiro
Público: 19.631 pagantes
Renda: R$ 592.086,66
Cartões amarelos: Chicão, Romarinho (Corinthians); Dudu, Fernando Lombardi (São Bernardo)
Gols: Jorge Henrique, aos 37 minutos do primeiro tempo, e Guerrero, aos 42 minutos do segundo tempo
Corinthians: Júlio Cesar; Guilherme Andrade (Felipe), Chicão, Gil e Fábio Santos (Willian Arão); Guilherme e Edenílson; Giovanni (Danilo), Romarinho e Jorge Henrique; Guerrero. Técnico: Tite
São Bernardo: Wilson Júnior; Wagner Diniz (Régis), Fernando Lombardi, Luciano Castán e Gleidson; Dudu e Daniel Pereira; Ricardinho, Bady e Gil (Judson); Fernando Baiano (Bruno Gonçalves). Técnico: Wagner Lopes
Estatísticas

Créditos e fontes de imagens
facebook.com/A Grande Família Corinthiana
globoesporte.globo.com
sportv.globo.com
esporte.uol.com.br
Sérgio Barsaghi/Gazeta Press/gazetaesportiva.net
facebook.com/corinthians
globoesporte.globo.com
Sérgio Barsaghi/Gazeta Press/gazetaesportiva.net
globoesporte.globo.com
domingossccp.blogspot.com
republicadocorinthians.wordpress.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário