domingo, 2 de dezembro de 2012

São Paulo X Corinthians


Hoje teremos o último jogo treino no Brasil e o último jogo do Brasileirão. Um jogo que, embora seja um clássico, pelo campeonato nacional não vale nada para nenhum dos dois times. E que, apesar de clássico, nenhum deles está focado no jogo em si. Para o Timão é um treino de luxo para o Mundial e para o adversário, focado na final contra o Tigres pela Série B da Libertadores, é um dilema entre poupar para não desgastar jogador para o jogo de 4ª feira ou usar a força máxima para derrotar o rival.
Mesmo assim, nenhum deles quer perder o clássico e o jogo está longe de ser considerado um amistoso. Ambos querem sair confiantes e embalados para sua futuras decisões.
Se o time do Jardim Leonor fez apenas um treino leve, um rachão e seu técnico sinalizou com um possível mistão - Mistérios? - o Corinthians é transparente e Tite vai levar para o jogo o que tem de melhor disponível. Apenas Paulo André, com dores na panturrilha, será poupado por precaução e Wallace deverá formar a dupla de zaga com Chicão. 
Embora o mando não seja nosso, o jogo será no Pacaembu, pois a Casa de Shows do Jardim Leonor vai estar ocupada com o Show da Madonna. 
Ficha Técnica - São Paulo x Corinthians 
Local: estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP) 
Data: 02 de dezembro de 2012, domingo 
Horário: 17 horas (de Brasília) 
Árbitro: Rodrigo Braghetto (SP) 
Assistentes: Rogério Pablo Zanardo e Bruno Salgado Rizo (ambos de SP) 
São Paulo: Rogério Ceni; Douglas, Rafael Toloi, Edson Silva e Cortez; Wellington, Casemiro (Maicon) e Ganso; Lucas, Osvaldo e Luis Fabiano Técnico: Ney Franco 
Corinthians: Cássio; Alessandro, Chicão, Wallace e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Douglas e Danilo; Emerson e Guerrero Técnico: Tite
Se havia alguma dúvida no ataque, já está definido que Douglas, Danilo, Émerson e Guerrero formarão a linha de frente no Japão. Assim, o clássico será um bom laboratório para o entrosamento de Émerson e Guerreiro, que por problemas de convocação para seleção, contusões e suspensões, tiveram poucas oportunidades de atuarem juntos.
 
Com o experiente Danilo em forma, com Douglas voando e em suas melhores condições físicas e técnicas, com Émerson no pique e motivado e com Guerreiro, sempre atento e bem posicionado, este quarteto tem tudo para dar certo, não só neste jogo, mas no Mundial. 
Seria bom que o adversário viesse completo, pois precisamos de sparring com um mínimo de qualidade para podermos testar nossa força, corrigir os erros e fazer os últimos ajustes para o jogo do Japão.
É importante que façamos um bom jogo, não só pelo desempenho técnico, mas também pela importância do aspecto psicológico. Com a volta dos titulares poupados e suspensos no último jogo, o time deverá reencontrar seu equilíbrio, sua força e a vitória, independentemente de quem jogue no outro time. A motivação, tão escassa na fase da ressaca da Libertadores, está de volta, a bolerada está animada e bem preparada, física e tecnicamente. Tudo conspira para um bom jogo e mais uma vitória do Timão.
 

Créditos e fontes de imagens
globoesporte.com
globoesporte.com
facebook.com/fotos do mural/loucoporticorinthians
Eduardo Viana/lancenet.com.br
Sérgio Barsaghi/Gazeta Press/gazetaesportiva.net
Tom Dib/lancenet.com.br
Miguel Shincariol/lancenet.com.br
facebook.com/fotos do mural

Nenhum comentário:

Postar um comentário