domingo, 14 de fevereiro de 2016

Corinthians X São Paulo - Campeonato Paulista

Pela 4ª rodada do Campeonato Paulista, Corinthians e São Paulo enfrentar-se-ão hoje, domingo, 14/06, às 17:00 horas, (horário de Brasília), na Arena Corinthians, em Itaquera. Será o 1º jogo entre eles, após a histórica goleada corinthiana no Brasileirão de 2015. Para ambos os times, a partida será, também, um teste para suas respectivas estreias na fase de grupos da Copa Libertadores.
Os dois times, após o clássico, terão compromissos importantes na Copa Libertadores. O Timão, que venceu seus três jogos no Estadual e lidera o Grupo D, com nove pontos, na segunda feira, viaja ao Chile para enfrentar o Cobresal na próxima quarta feira. O São Paulo, invicto na temporada (um empate e uma vitória no Grupo C do Paulista e mesmo desempenho da primeira fase da Libertadores), terá o duelo com o The Strongest, também na quarta-feira, no Pacaembu.
Com mudanças nos dois times, a situação atual do jogo é bastante diferente da última partida. O Corinthians perdeu seus principais titulares de 2015 e o time misto que atuou no histórico 6 a 1, hoje forma a base do time titular alvinegro, com os novos reforços ainda em fase de readaptação. O São Paulo manteve sua base e sua principal aquisição é o técnico Edgardo Bauza.
Os dois técnicos minimizam o resultado anterior, mas no íntimo, provavelmente, a equipe corinthiana espera pelo menos alcançar mais uma vitória sobre o rival, enquanto para os tricolores o jogo não deixa de ter um sabor de revanche. 
Ficha Técnica - Corinthians X São Paulo 
Local: Arena Corinthians, em Itaquera, São Paulo (SP)
Data: 14 de fevereiro de 2016, domingo
Horário: 17:00 horas (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistente 1: Rogério Pablo Zanardo 
Assistente 2: Alex Ang Ribeiro 
Quarto árbitro: Salim Fende Chaves 
Corinthians: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Guilherme Arana; Bruno Henrique, Maycon, Giovanni Augusto, Rodriguinho e Lucca; André; Técnico: Tite
São Paulo: Denis; Bruno, Rodrigo Caio, Lucão e Carlinhos; Thiago Mendes, Wesley, Wilder, Michel Bastos e Rogério; Kieza; Técnico: Edgardo Bauza 
Além dos prováveis escalados, também foram relacionados: 
No Corinthians, o goleiro Matheus Vidotto, o lateral Uendel, os zagueiros Vilson e Pedro Henrique, o volante Willians, os meias Guilherme e Danilo, e os atacantes Marlone e Romero, 
No São Paulo, o goleiro Renan Ribeiro, os laterais Mena e Matheus Caramelo, o zagueiro Lyanco, os volantes Hudson e João Schmidt, os meias Paulo Henrique Ganso e Centurion, e os atacantes Calleri e Kelvin.
Estão fora, no Corinthians: o lateral-direito Edílson, suspenso por cartão vermelho, o volante Elias, recuperando-se de um trauma no tornozelo esquerdo, e os atacantes Luciano e Rildo, recuperando-se de cirurgia. No São Paulo: os zagueiros Breno, com tendinite no joelho direito, Diego Lugano, aprimorando a forma física, o meia Daniel, com contratura na coxa direita, e o atacante João Paulo, com fratura por estresse na perna direita. 
Tite não fez mistério e em entrevista coletiva confirmou a escalação alvinegra. O técnico escalou o time com oito mudanças em relação à equipe que venceu o Capivariano na última quinta-feira. A principal novidade é a presença do atacante André, recém-contratado do Atlético-MG, e do meia Giovanni Augusto, que faz seu primeiro jogo como titular. Sem poder contar com Elias, Tite manteve Maycon como 2º volante e, pensando no jogo da Libertadores em El Salvador, no Chile, no meio da semana, deixou fora Uendel Romero e Danilo, substituindo-os por Guilherme Arana, Giovanni Augusto e André. 
No São Paulo, muito mistério quanto a escalação. Mas, é provável que alguns jogadores sejam poupados para o jogo da Libertadores do meio da semana. 
No último treino, na manhã de sábado, Tite realizou o chamado treino-fantasma para seus 11 titulares, no CT Joaquim Grava, acertando o posicionamento dos jogadores, orientando-os sob a postura em campo e cobrando boa saída de bola e movimentação dos zagueiros para ajudar a armar as jogadas. Durante a atividade, Tite investiu nas triangulações e com muitas orientações, pediu aproximação entre os meias e ensaiou jogadas com passes curtos. Na segunda parte do treino, o time trabalhou jogadas de bola parada. 
Sabemos que clássico é um campeonato à parte e tudo pode acontecer. Será um jogo pegado, equilibrado. Ainda mordido pela goleada de 6 a 1, o adversário deve vir com a faca nos dentes e sangue nos olhos. O Corinthians precisa manter a calma e não entrar na pilha dos tricolores. E aproveitar que o jogo será em casa, com o total apoio da torcida. Até sexta feira, mais de 33 mil ingressos já haviam sido vendidos. A Arena vai ferver e vamos aproveitar o caldeirão para mantermos a invencibilidade.

Créditos e fontes de imagens 
meutimao.com.br/MAON 
Agência Corinthians e Gazeta Press/gazetaesportiva.net 
globoesporte.globo.com 
Daniel Augusto Júnior-Agência Corinthians-gazetaesportiva.net/MAON 
Daniel Augusto Júnior-Agência Corinthians-meutimao.com.br/MAON 

Nenhum comentário:

Postar um comentário