quarta-feira, 2 de março de 2016

Corinthians X Santa Fé - Copa Libertadores

O Corinthians receberá hoje, 02/03, às 21:45 horas, (horário de Brasília), em sua Arena, em Itaquera, o Independiente Santa Fé, da Colombia, pela segunda rodada da fase de Grupos da Copa Libertadores. O Santa Fe é o atual campeão da Copa Sul Americana e é considerado o adversário mais forte do Grupo 8. Com um jogo a mais, o Cerro Portenho lidera o Grupo, após empatar com o time colombiano e vencer o Cobresal. O Timão, na pior das hipóteses, precisa de um ponto em Itaquera, para permanecer na zona de classificação antes dos dois duelos contra o time paraguaio, nos dias 09/03 e 16/03. Os visitantes querem recuperar os pontos perdidos na estreia quando, embora superiores ao Cerro Porteño, não conseguiram converter em gols as chances criadas. 
Ficha Técnica - Corinthians X Independiente Santa Fe
Local: Arena Corinthians, em Itaquera, São Paulo (SP)
Data: 2 de março de 2016, quarta-feira
Horário: 21:45 horas (de Brasília) 
Árbitro: Auro Vigliano (Argentina) 
Assistente 1: Juan P. Belatti (Argentina) 
Assistente 2: Cristian Navarro (Argentina) 
Quarto arbitro: Silvio Trucco (Argentina) 
Corinthians: Cássio; Fagner, Felipe, (Balbuena), Yago e Uendel; Bruno Henrique, Giovanni Augusto, Rodriguinho, Guilherme e Lucca; André; Técnico: Tite
Independiente Santa Fe: Zapata; Otalvaro, Mina, Tesillo e Balanta; Seijas, Gordillo, Roa, Perlazza e Gomez; Ibarguen; Técnico: Gerardo Pelusso
No Corinthians, além dos possíveis escalados, também foram relacionados os goleiros Walter e Matheus Vidotto, o lateral Edílson, o zagueiro Vilson, os volantes Maycon e Willians, o meia Danilo, e os atacantes Romero e Luciano.
Estão fora no Corinthians, Elias, com uma fissura na fíbula da coxa esquerda, e Marlone, com uma torção no tornozelo esquerdo. 
No Timão, a única novidade é a volta do goleiro Cássio, recuperado de dores na coxa esquerda. Na zaga, Felipe, que teve uma indisposição intestinal, será reavaliado antes do jogo e se não tiver condições, Balbuena será seu substituto. 
O esquema tático permanece o 4-1-4-1, com Rodriguinho atuando no lugar de Elias e Guilherme responsável pela armação, construindo as jogadas e aproximando-se do ataque. 
O time colombiano tem a característica de partir para o jogo e não ficar na retranca. É um time que joga e deixa jogar. Ciente dessa característica, o Corinthians deverá marcar pressão na saída de bola para impedir que ela chegue ao meio campo e sufocar a troca de passes dos adversários.  
Nos treinos de segunda e terça feira, Tite procurou corrigir as falhas do último jogo acertando o posicionamento, com atenção especial ao posicionamento do Guilherme, e enfatizando jogadas na área, a partir de cobranças de lateral, bolas paradas ofensivas e defensivas, triangulações e saídas de bola, bolas aéreas e finalizações. 
Será um jogo difícil, pegado e equilibrado. Para obter um resultado favorável, o Corinthians contará com todo o apoio da Fiel. Mais de 36 mil ingressos foram adquiridos de forma antecipada e a expectativa é de que a Arena supere o público do jogo com o São Paulo no dia 14/02 em Itaquera, quando teve 36.378 pagantes. 
Se o adversário tem a santa fé no nome, o corinthiano tem a santa fé na alma. Acreditamos sempre, mas principalmente, apoiamos, empurramos o time e jogamos junto. Hoje não será diferente. Vamos em busca de mais uma vitória e da liderança do grupo. 

Créditos e fontes de imagens 
meutimao.com.br/GettyImages-torcedores.com/MAON 
Daniel Augusto Jr.-Agência Corinthians-globoesporte.globo.com/VizzorImage-Gabriel Aponte-goal.com/MAON 
globoesporte.globo.com/MAON 
Fernando Dantas/Gazeta Press/gazetaesportiva.com 
Fernando Dantas-Gazeta Press-gazetaesportiva.com/MAON 

Nenhum comentário:

Postar um comentário