domingo, 6 de março de 2016

Santos X Corinthians - Campeonato Paulista

Para disputar a 8ª rodada do Campeonato Paulista, o Corinthians foi para Santos, onde enfrentará o time da casa neste domingo, 06/03, às 16:00 horas, horário de Brasília, no Estádio Urbano Caldeira. Dono da melhor campanha no Paulista e líder do Grupo D, com 17 pontos, 5 vitórias, 2 empates e 81% de aproveitamento, o Timão terá por adversário o líder do Grupo A, com 12 pontos, 3 vitórias, 3 empates, uma derrota e 57% de aproveitamento, seguido de perto por São Bento, com 11, e Linense, com dez pontos. O Peixe tenta se reabilitar após perder por 2 a 0 do Red Bull Brasil. Já o Corinthians, luta para manter a invencibilidade e a liderança geral do Paulistão.
Ficha Técnica - Santos X Corinthians 
Local: Estádio Urbano Caldeira, Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 6 de março de 2015, domingo
Horário: 16:00 horas (de Brasília)
Árbitro Principal: Flávio Rodrigues de Souza
Árbitro Assistente 1: Daniel Paulo Ziolli
Árbitro Assistente 2: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa
Quarto Árbitro: Rafael Gomes Felix da Silva
Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Thiago Maia, Lucas Lima e Serginho; Gabriel e Ricardo Oliveira; Técnico: Dorival Júnior
Corinthians: Cássio; Fagner, Balbuena, Yago e Guilherme Arana; Bruno Henrique, Willians, Romero, Danilo e Lucca; Luciano; Técnico: Tite
Além dos possíveis escalados, também foram relacionados os seguintes jogadores: 
No Santos, o goleiro Vladimir, o lateral Caju, o zagueiro Luiz Felipe, o volante Alison, os meias Vitor Bueno, Léo Cittadini, Ronaldo Mendes e Rafael Longuine, e os atacantes Joel, Patito Rodriguez, Paulinho e Neto Berola. 
No Corinthians, os goleiros Walter e Matheus Vidotto, os laterais Edílson e Uendel, os zagueiros Pedro Henrique e Vilson, os volantes Cristian e Maycon, o meia Alan Mineiro, e os atacantes Claudinho e André.
Estão fora, no Santos, David Braz, Valencia e Elano, lesionados; e no Corinthians: Marlone e Elias, em tratamento no departamento médico. 
O técnico do Santos fechou os treinos para a imprensa e fez mistério quanto a escalação, mas deverá manter o mesmo time que atuou nos últimos jogos e utilizar o esquema tático 4-4-2, com quatro jogadores no meio de campo, com Thiago Maia e Renato mais presos na defesa, indo ao ataque apenas para surpreender o adversário, e Lucas Lima e Serginho na armação, revesando-se nas jogadas. No ataque, deverão atuar Ricardo Oliveira e Gabriel. Na defesa, Victor Ferraz e Zeca, nas laterais direita e esquerda, e Gustavo Henrique e Lucas Veríssimo na zaga. David Braz ainda não está recuperado de uma lesão na coxa esquerda e não enfrentar o Corinthians. 
No Timão, Tite, preocupado com o jogo de quarta-feira contra o Cerro Porteño, em Assunção, pela Libertadores, e pela maratona de jogos, após ouvir o Departamento Médico e os responsáveis pela fisiologia, decidiu abrir mão de seis titulares no clássico contra o Santos. Felipe, Rodriguinho, Guilherme, Giovanni Augusto, Uendel e André são os jogadores que ganharão um descanso, e destes, apenas os dois últimos estarão no banco de reservas. 
As novidades são a escalação de Luciano no time titular e a presença do volante Cristian entre os reservas. 
Apesar das mudanças de jogadores, Tite manteve o esquema tático 4-4-1, embora tenha testado também o 4-2-3-1, com Willians atuando ao lado de Bruno Henrique, além de inverter as posições de Romero e Luciano, colocando o paraguaio como centro avante. Danilo será o capitão do time e o responsável pela armação. 
No último treino, na manhã de sábado, Tite promoveu um coletivo em campo reduzido com titulares e reservas e um trabalho tático com os titulares centrado no posicionamento em bolas paradas ofensivas e defensivas.
Enquanto o Santos, fora da Libertadores, teve a semana toda para treinar e tempo suficiente para reabilitar e descansar seus jogadores, o Corinthians continua na maratona de jogos e teve pouco tempo para treinos e reabilitação, tendo inclusive de preservar alguns jogadores, por risco de lesão. Com um time alternativo, os problemas de desentrosamento, provavelmente, irão ocorrer. Yago e Balbuena jogarão juntos pela 1ª vez, Willians atuará como 2º volante e Luciano como centro avante, com Danilo na armação. Mesmo permanecendo o esquema tático, os atores são diferentes, o que vai exigir muita concentração e atenção, diante de um adversário descansado, jogando em casa, naquela lata de sardinha que eles chamam de estádio, e com a torcida a favor. Precisamos de muita calma e tranquilidade para não entrar na pilha dos santistas, que virão com tudo pra cima do Timão.
Com Danilo na armação, o jogo deverá ser mais cadenciado. Lucas Lima, em boa fase vai dar trabalho. Nossa defesa terá que estar atenta e firme na marcação e Bruno Henrique terá o desafio de superar sua péssima atuação diante do Santa Fé. E, sem ansiedade e afobação, precisamos errar menos, passes e finalizações. Será um jogo difícil, mas temos condições de subir a serra com mais três pontos na bagagem.

Créditos e fones de imagens
meutimao.com.br/santosnaweb.com/MAON
Ricardo Saibun-Santos FC-globoesporte.globo.com/Daniel Augusto Jr.-Agência Corinthians-globoesporte.globo.com/MAON
globoesporte.globo.com/MAON
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians/gazetaesportiva.com
Danilo Verpa-folhapress-esporte.uol.com.br/MAON 

Nenhum comentário:

Postar um comentário