quinta-feira, 2 de junho de 2016

Pescaria em Itaquera

Foi um jogo encardido, enjoado, com muitos gols perdidos e boas defesas do goleiro adversário. Embora dominando o jogo, o Corinthians encontrou muita dificuldade para abrir o placar devido a retranca do Peixe, que veio para Itaquera com intenção de empatar e descer a serra com um pontinho na bagagem. O Timão buscou o gol o tempo todo enquanto o Santos, jogando num 4-6-0, tudo fazia para atrapalhar as investidas do anfitrião, no que era ajudado pela eficiência do goleiro Vanderlei. Com 16 finalizações e 6 chances reais de gol, este escapava mais que bagre ensaboado e, somente aos 36 minutos da etapa final, o placar foi aberto por Giovanni Augusto.
Gol
Após falta pelo lado direito, Guilherme cruzou pela esquerda, Felipe e Cristian desviaram de cabeça e a bola acabou no peito de Giovanni Augusto. Sem marcação, ele tocou por baixo das pernas de Vanderlei e abriu o placar em Itaquera. 
Sem seus principais jogadores, Lucas Lima, Gabriel e Ricardo de Oliveira, o Santos, que veio em busca do empate, povoou seu meio campo para deter a ofensiva corinthiana e, se possível, tentar algo no contra ataque. Mas, com muita calma, paciência e posse de bola, o Corinthians conseguiu furar a retranca santista e obter sua terceira vitória seguida no Brasileirão, resultado que, no término da rodada, o colocou na terceira posição com 10 pontos, 3 vitórias, 1 empate, uma derrota e 67% de aproveitamento. O Santos terminou a rodada em 15º lugar, com 4 pontos, uma vitória, 1 empate, 3 derrotas e 27% de aproveitamento.
Individualmente, Cristian e Giovanni Augusto foram os melhores em campo. Cristian, com boa movimentação, bons passes e preciso nos desarmes, também foi para a área, participando, inclusive, da jogada do gol. Giovanni Augusto, com jogadas de efeito, dribles e infiltrações foi premiado com o gol da vitória corinthiana. 
Foi um jogo de ataque contra a defesa, no qual venceu quem buscou o gol insistentemente e perdeu quem veio só pra se defender. O placar foi magro, principalmente devido à noite iluminada do Vanderlei. Mas o suficiente para manter o Timão entre os primeiros colocados no campeonato. 
O Corinthians fará seu próximo jogo pelo Brasileirão no sábado, 04/06, às 20:30 horas, contra o Coritiba, na Arena Corinthians, e o Santos receberá o Botafogo, domingo, 05/06, no Pacaembu, às 11 horas. 
Melhores momentos
Ficha Técnica - Corinthians 1 X 0 Santos
Local: Arena Corinthians, em Itaquera, São Paulo (SP)
Data: 1º de junho de 2016, quarta-feira
Horário: 21:00 horas (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden - RS - (FIFA)
Assistente 1: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa - SP - (ASP-FIFA) 
Assistente 2: Gustavo Rodrigues de Oliveira - SP - (CBF-1) 
Quarto árbitro: José Cláudio Rocha Fiho - SP - (CBF-1)
Público: 30.187 pagantes
Renda: R$ 1.460.047,00
Cartões amarelos: Zeca e Vitor Bueno (Santos)
Gol: Corinthians: Giovanni Augusto, aos 37 minutos do segundo tempo
Corinthians: Walter; Fagner, Felipe, Vilson e Uendel; Cristian, Bruno Henrique (Rodriguinho), Marquinhos Gabriel (Lucca), Guilherme e Giovanni Augusto; Luciano (André); Técnico: Tite
Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Thiago Maia, Serginho (Maxi Rolón), Léo Cittadini (Paulinho), Vitor Bueno; Elano (Joel); Técnico: Dorival Júnior 
Bastidores

Créditos e fontes de imagens e vídeos 
globoesporte.globo.com-facebook.com/Itaquera da zuera-MAON 
Marcos Ribolli/globoesporte.globo.com 
youtube.com/globo.com 
Sergio Barzaghi/Gazeta Press/gazetaesportiva.com 
youtube.com/globo.com 
youtube.com/Corinthians

Nenhum comentário:

Postar um comentário