sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Um bom começo

Confesso que o desempenho da equipe e o resultado do jogo surpreenderam-me positivamente. Com uma nova comissão técnica, com muitos jogadores novos no time, sem treinamento suficiente, sem um padrão tático estabelecido e testado, sem entrosamento e sem ritmo de jogo, pensei que teríamos mais dificuldades na estreia. Mesmo o adversário sendo fraco, início de temporada é sempre complicado, com jogadores voltando de férias após festividades do final de ano. O grande diferencial, em relação ao ano de 2016, foi a atitude dos jogadores, muito mais positiva e determinada. Brigando por titularidade, procuraram mostrar serviço, não se acomodaram e se empenharam durante a partida. Nem parecia jogo amistoso. As bolas foram disputadas e o jogo foi pegado. Mesmo ainda carecendo de entrosamento, o time apresentou compactação, trocas de passe e triangulações. 
Com dois times diferentes em cada tempo, Carille aproveitou para fazer observações, testar jogadores nas posições e colher informações para a montagem definitiva do time titular para a temporada. 
Gols
Os gols corinthianos foram marcados por Camacho e Marlone (1º tempo) e Kazim e Marquinhos Gabriel (etapa final). Éder Luis, com um chute despretensioso de fora da área, fez o gol de honra do Vasco. Cássio, adiantado e mau posicionado não conseguiu defender. Aos 20 minutos, Camacho, em rápido contra-ataque pelo meio, tabelou com Rodriguinho e, cara a cara com Martín Silva, bateu no canto rasteiro, abrindo o placar. Aos 45 minutos, Marlone tabelou com Romero e completou para o gol, desempatando a partida. Na etapa final, aos 36 minutos, Marquinhos Gabriel carregou a bola dentro da área até a linha de fundo e cruzou. Livre de marcação, Kazim cabeceou para dentro e praticamente sacramentou a primeira vitória corintiana na temporada. Aos 45 minutos, Guilherme roubou a bola e tocou para Kazim, que, livre de marcação, viu a passagem de Marquinhos Gabriel que dominou a bola e, sem goleiro, tocou para o fundo da meta vascaína, fechando a goleada. 
Dos estreantes, gostei das atuações de Moisés, Gabriel e Kazim. Jô ainda se ressente da falta de ritmo e Paulo Roberto surpreendeu positivamente. Não deve superar Gabriel, mas ganhará fácil de Cristian a posição de reserva de 1º volante. Os melhores em campo foram Camacho e Rodriguinho (1º tempo) e Kazim e Marquinhos Gabriel (etapa final). O meia voltou com mais vontade e demonstrou melhores condições físicas e técnicas que no ano anterior. O goleiro Caique foi muito seguro, fez boas defesas e não foi vazado.
Se ofensivamente o Corinthians foi bem, principalmente pelo meio do campo, a defesa continua com problemas e dificuldades, principalmente nos cruzamentos. Os laterais apresentaram pouco poder ofensivo e ficaram mais presos à marcação. 
De um modo geral, para uma estreia, voltando de férias, a atuação do time me agradou. Os reforços tiveram um bom desempenho e podem qualificar o elenco. Ainda não dá para se empolgar, mas a atitude e a postura em campo, mais propositiva e determinada, acendem uma chama de esperança.
Melhores momentos
Ficha Técnica - Vasco 1 X 4 Corinthians
Local: Estádio Bright House Networks, em Orlando (EUA)
Data: 18 de janeiro de 2017, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Esteban Rosano – (EUA) 
Árbitro assistente 1: Abdel Kuttaineh – (EUA) 
Árbitro assistente 2: Hassan Belmhania – (EUA)
Cartões amarelos: Julio dos Santos, Thalles e Rodrigo (Vasco); Gabriel e Paulo Roberto (Corinthians)
Gols: Vasco: Éder Luís, aos 24 minutos do primeiro tempo; Corinthians: Camacho, aos 20, e Marlone, aos 45 minutos do primeiro tempo; Kazim, aos 36, e Marquinhos Gabriel, aos 44 minutos do segundo tempo
Vasco: Martín Silva; Madson (Yago Pikachu), Luan (Rafael Marques), Rodrigo e Henrique (Alan Cardoso); Evander (Bruno Gallo), Guilherme (Escudero), Nenê e Julio dos Santos (Andrezinho); Thalles (Ederson) e Éder Luís (Mateus); Técnico: Cristóvão Borges
Corinthians: Cássio (Caique França); Fagner (Léo Príncipe), Pedro Henrique (Vilson), Balbuena (Yago) e Moisés (Marciel); Gabriel (Paulo Roberto), Camacho (Cristian), Romero (Giovanni Augusto), Rodriguinho (Guilherme) e Marlone (Marquinhos Gabriel); Jô (Kazim); Técnico: Fábio Carille

Créditos e fontes de imagens e vídeos 
esporte.uol.com.br-twitter.com/@Pedro_34-MAON
AFP/globoesporte.globo.com-Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians/globoesporte.globo.com-Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians/corinthians.com.br-MAON 
youtube.com/ESPORTE NOTÍCIA 2-globo.com 
Reprocução TV/SporTV/globo.com 
youtube.com/Soccer Gols HD-globo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário