domingo, 28 de setembro de 2014

Atlético Paraná X Corinthians

O Corinthians foi para Curitiba em busca da vitória, dos três pontos e da reabilitação no campeonato Brasileiro e enfrentará o Atlético Paraná na Arena da Baixada, em Curitiba, hoje, dia 28/09, às 16 horas, pela 25ª rodada. Os dois times, por situações diversas, precisam da vitória. O Atlético Paraná, há três jogos sem vencer e sem ter marcado um gol, está em 13º lugar na tabela, com 28 pontos e distante 3 pontos da zona de rebaixamento. O Corinthians, com 40 pontos, iniciou a rodada na 6ª posição, caiu para a 7ª com a vitória do Fluminense e precisa vencer para continuar sonhando com o G4. Somente com uma vitória e com um mau resultado do Grêmio, o Timão voltará ao G4, e ainda assim para disputar a pré Libertadores, desde que nenhum time brasileiro vença a Copa Sul Americana.
Ficha Técnica - Atlético-PR X Corinthians
Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 28 de setembro de 2014, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique-RJ (FIFA)
Árbitro Assistente 1: Rodrigo Pereira Joia-RJ (FIFA)
Árbitro Assistente 2: Rodrigo F. Henrique Corrêa-RJ (ESP-1)
Quarto árbitro: Pathrice Wallace Corrêa Maia-RJ (CBF-2)
Árbitro Assistente Adicional 1: Wagner dos Santos Rosa-RJ (CBF-1)
Árbitro Assistente Adicional 2: Antônio F. de Carvalho Schneider-RJ (CBF-1)
Delegado: Vavran da Silva Rosa-SC (ASS)
Atlético-PR: Weverton; Sueliton, Gustavo, Cleberson e Willian Rocha; Deivid, Hernani, Bady (Sidcley) e Marcos Guilherme; Douglas Coutinho e Marcelo; Técnico: Claudinei Oliveira
Corinthians: Cássio; Fagner, Gil, Anderson Martins e Fábio Santos; Bruno Henrique, Elias, Petros e Renato Augusto; Malcom e Guerrero; Técnico: Mano Menezes
Estão fora, no Atlético-PR, Dellatorre, com dores no tornozelo, Dráusio, com micro lesões na face, e Mário Sérgio, com dores no músculo posterior da coxa. No Corinthians, Ralf, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.
Estão pendurados, no Atlético-PR, Deivid, Dráusio, Otávio e Willian Rocha e no Corinthians, Paolo Guerrero.
No time paranaense foram relacionados os seguintes jogadores:
Goleiros: Santos e Weverton
Zagueiros: Cleberson e Gustavo
Volantes: Deivid, Hernani, João Paulo e Paulinho Dias
Laterais: Lucas Olaza, Natanael, Sidcley, Sueliton e William Rocha
Meias: Bady, Marco Damasceno, Marcos Guilherme e Nathan
Atacantes: Cléo, Douglas Coutinho, Marcelo e Mosquito.
No Atlético Paraná, o técnico Claudinei Oliveira não confirmou a equipe que entra em campo. Douglas Coutinho volta de suspensão, na lateral esquerda, a dúvida é entre Natanael e Willian Rocha e no meio estão disponíveis Sidcley e Bady. Para sair da crise, o técnico pediu calma e equilíbrio aos seus jogadores.
No Corinthians, foram relacionados os jogadores:
Goleiros: Cássio, Danilo Fernandes e Walter
Laterais: Fagner, Fábio Santos, Ferrugem e Uendel
Zagueiros: Gil, Anderson Martins e Pedro Henrique 
Volantes: Elias, Bruno Henrique e Guilherme Andrade 
Meias: Renato Augusto, Petros, Jadson, Lodeiro e Danilo 
Atacantes: Paolo Guerrero, Malcom, Romero e Luciano
Para o confronto em Curitiba, o Timão terá a volta de três jogadores que não atuaram na última partida: Fábio Santos, Petros e Bruno Henrique. Apesar dos reforços, pela primeira vez na temporada o Corinthians não contará com Ralf, que recebeu o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão automática nesta rodada.
Sem Ralf, Mano Menezes optou por Bruno Henrique, que deverá jogar mais recuado. Mas, a grande esperança é a volta de Petros, um dos jogadores mais regulares da equipe, que volta a ficar à disposição após cumprir três jogos de suspensão impostos pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva), pela trombada com o árbitro Raphael Claus no clássico contra o Santos, realizado no dia 10 de agosto. Para reforçar a marcação no meio-campo, ele deve ocupar a vaga de Danilo, titular contra São Paulo e Figueirense.
Mano não revelou a escalação e fechou parte do treino para a imprensa. Mas diante da ausência de Ralf e da volta de Fábio Santos, Petros e Bruno Henrique, não deverá haver grandes surpresas. O importante e necessário é acertar a defesa nas bolas paradas, pois sempre tomamos o gol na mesma jogada, e acertar as finalizações.
Pressionado pela posição na tabela, o Corinthians atua hoje com a corda no pescoço e precisa vencer o jogo. Para isso é fundamental que o time deixe de ser retranqueiro jogando fora de casa, mas também que os jogadores deixem de lado a preguiça e a má vontade que imperou no último jogo, onde a maioria foi displicente. Vencer hoje é necessário para continuar almejando algo mais que permanecer na Série A. E para isso tem que haver responsabilidade, determinação, vontade e concentração por parte da equipe. Caso contrário, repito: Não adianta o Guerrero e o Malcom correrem com loucos, se a maioria se arrasta em campo.

Créditos e fontes de imagens
meutimao.com.br
globoesporte.globo.com
globoesporte.globo.com
Rodrigo Coca/Agencia Corinthians/gazetaesportiva.net
Rodrigo Coca/Agencia Corinthians/gazetaesportiva.net
facebook.com/Caca Thimoteo

Nenhum comentário:

Postar um comentário