quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Se virou nos 20,(minutos), mas depois só administrou...

Na etapa inicial do jogo contra o Bragantino, matei as saudades do Corinthians e reencontrei-me com meu time, que há muito tempo, procurava e não encontrava. Um time ofensivo, raçudo, indo pra cima, acertando passes, procurando e achando o gol. Um Corinthians com cara de Corinthians. Entrei em êxtase com uma alegria imensa, que há muito tempo não sentia.
Renato Augusto foi primoroso, não só pelo belo gol e pelas assistências, mas pelo conjunto da obra. Ralf e Felipe, este tão contestado, completaram o espetáculo e aliviaram nossas tensões.
Nem mesmo o torcedor mais otimista poderia imaginar que bastariam 20 minutos para o Timão se classificar. E da angústia nos livrar. 
Fiquei tão feliz ao constatar que meu Corinthians voltou a jogar futebol, que até vou perdoar o recuo e o fato do time apenas ter administrado o resultado na etapa final, deixando o Bragantino jogar e chutar. Ainda bem que eles são ruins de bola, de pontaria e só conseguiram fazer o gol de honra quando não havia mais tempo para uma reação. UFA!!!
Com um time desfalcado e cheio de reservas, minhas expectativas não eram as melhores, principalmente pelo futebol apresentado nos últimos jogos. Achava que teríamos mais dificuldades para vencermos por 2 gols de diferença. Mas, quem entrou não negou fogo, todo o time mostrou raça e voltamos a jogar como Corinthians. 
E que venha o Galo pra fazermos uma bela canja.
Melhores momentos
Gols
Ficha Técnica - Corinthians 3 X 1 Bragantino
Local:
Arena Corinthians, em Itaquera, São Paulo (SP)
Data: 3 de setembro de 2014, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Vinícius Furlan – SP (CBF-1)
Árbitros Assistentes: Marcio Luiz Augusto – SP (ESP-2) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo – SP (ASP-FIFA) Quarto Árbitro: Flavio Rodrigues Guerra – SP (CBF-1)
Delegado: Dionísio Roberto Domingos –BRA (ASS)
Público: 27.817 pagantes
Renda: R$ 1.497.128,00
Cartões Amarelos: Fábio Santos (Corinthians), Romário, Mota, Geandro e Marcos Paulo (Bragantino)
Gols: Corinthians: Renato Augusto, aos três, Ralf, aos 14, e Felipe, aos 19 minutos do primeiro tempo
Bragantino: Guilherme Mattis, aos 44 minutos do segundo tempo 
Corinthians: Cássio; Fagner, Felipe, Anderson Martins e Fábio Santos; Ralf, Bruno Henrique (Petros) e Renato Augusto (Danilo); Luciano, Romarinho e Romero (Jadson); Técnico: Mano Menezes 
Bragantino: Marcelo, Samuel, Leonardo, Guilherme Mattis e Bruno Recife; Geandro, Marcos Paulo (Romário) e Sandro; Cesinha, Lincom (Mota) e Luisinho (Léo Jaime); Técnico: Paulo César Gusmão

Créditos e fontes de imagens e vídeos
meutimao.com.br
Marcos Ribolli/globoesporte.globo.com/MAON
Marcos Ribolli/globoesporte.globo.com
Gazeta Press
Sérgio Barzaghi/Gazeta Press/gazetaesportiva.net
facebook.com/Ivani Medrado
Sérgio Barzaghi/Gazeta Press/gazetaesportiva.net
globo.com/youtube.com 
espn.com.br/youtube.com
Gazeta Press/MAON

Nenhum comentário:

Postar um comentário