quarta-feira, 29 de julho de 2015

Corinthians X Vasco

Pela 16ª rodada do campeonato brasileiro, o Corinthians receberá hoje, quarta feira, 29/07, às 22 horas, em sua Arena em Itaquera, o time do Vasco. Segundo colocado na tabela de classificação, com 30 pontos, 9 vitórias, 3 empates e 3 derrotas e com 67% de aproveitamento, o Timão terá como adversário o 18º colocado, com 3 vitórias, 3 empates, 9 derrotas, com 27% de aproveitamento e o pior saldo de gols do campeonato, -18. Será o confronto da melhor defesa, com o 2º pior ataque.
Ficha Técnica - Corinthians X Vasco
Local: Arena Corinthians, em Itaquera, São Paulo (SP)
Data: 29 de julho de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden - RS (FIFA)
Árbitro Assistente 1: Guilherme Dias Camilo - MG (FIFA)
Árbitro Assistente 2: Marcelo Bertanha Barison - RS (ESP-2)
Quarto Árbitro: Leandro Bizzio Marinho - SP (CBF-1)
Delegado: Marcio Verri Brandão - SP (ASS)
Corinthians: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Bruno Henrique; Jadson, Elias, Renato Augusto e Malcom; Vagner Love; Técnico: Tite
Vasco: Jordi; Jean Patrick, Luan, Rodrigo e Christianno; Anderson Salles, Serginho e Guiñazú; Jhon Cley, Riascos e Herrera; Técnico: Celso Roth
Estão fora, no Corinthians: o goleiro Cássio, com tendinite na coxa esquerda, e o volante Cristian, com problema na panturrilha direita. No Vasco: Madson, suspenso, Henrique, Nei e Diguinho, lesionados, Martín Silva e Aislan barrados.
Estão pendurados com dois cartões amarelos, no Corinthians: Edílson, Felipe, Bruno Henrique, Renato Augusto e Cássio. No Vasco: Anderson Salles, Dagoberto, Emanuel Biancucchi, Gilberto, Jhon Cley, Lucas, Rafael Silva, Rodrigo e Serginho.
No Corinthians, também foram relacionados o goleiro Matheus Vidotto, o lateral Edílson, o zagueiro Edu Dracena, o volante Ralf, os meias Matheus Pereira, Danilo e Rodriguinho, e os atacantes Luciano, Rildo, Mendonza e Romero.
O Corinthians terá duas novidades em relação ao time que empatou com o Coritiba. No gol, Walter substitui o lesionado Cássio, e Gil, após cumprir suspensão, retoma seu lugar na zaga. O esquema tático será o mesmo 4-1-4-1, que vem sendo utilizado por Tite.
No último treino, além de corrigir posicionamentos na saída de bola, o técnico trabalhou muitas jogadas ensaiadas no ataque e deu atenção especial às bolas paradas, principalmente cobranças de falta. 
O Vasco, que fechou seus treinos, deverá promover algumas mudanças na equipe. Jordi volta ao gol, Jean Patrick, volante de origem, entra na lateral direita no lugar de Madson, suspenso, o zagueiro Luan volta ao time após a conquista da medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos, e Riascos pode ganhar uma chance. 
Se avaliarmos as condições e a posição dos times no campeonato, poderíamos prever um jogo tranquilo. O adversário tem apenas 3 vitórias no campeonato, está na zona de rebaixamento, tem apenas 27º de aproveitamento e vem de uma derrota de goleada para o time da Água Branca. Jogando fora de casa, deve vir recuado, tentando garantir ao menos um empate. Mas, o Corinthians tem tido muita dificuldade em jogar com times retrancados e, apesar de ter a melhor defesa, seu ataque vem falhando bastante. Vagner Love tem errado passes, tropeçado na bola e tem deixado muito a desejar, pelo seu passado e pelo seu salário. Rildo, Mendonza e Romero, também não têm correspondido.
A esperança de gol é Luciano, medalha de bronze e artilheiro do Pan Americano, que estará no banco de reservas e deverá entrar durante o jogo. Ou que Elias e Jadson tenham um melhor rendimento que no jogo anterior e Renato Augusto acerte seus chutes.
Importante também será que Tite faça as substituições certas e na hora certa.
O Corinthians terá a vantagem de contar com o apoio de sua torcida. Até ontem já tinham sido vendidos mais de 26 mil ingressos. 
Precisando da vitória para continuar a luta pelo hexa campeonato, o Corinthians não pode se acovardar e jogar como time pequeno. Tem que fazer valer sua superioridade técnica e o fator campo. Tem que ir pra cima, propor o jogo e não recuar após o gol, chamando o time adversário e jogando no contra ataque. Tem condições de vencer, desde que atue com raça, com determinação e jogue como time grande, sem se acovardar, sem recuar.

Créditos e fontes de imagens
facebook.com/Renato Silva
globoesporte.globo.com
Daniel Augusto Júnior/Agência Corinthians/globoesporte.globo.com
Djalma Vassão/Gazeta Press/gazetaesportiva.net
Carlos Augusto Ferrari/globoesporte.globo.com
Daniel Augusto Júnior/Agência Corinthians/globoesporte.globo.com
Djalma Vassão-Gazeta Press-gazetaesportiva.net/MAON

Nenhum comentário:

Postar um comentário