quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Sem muito brilho, mas com os três pontos

Flash, gols, entrevista e comentários
video
Melhores momentos
video
O Corinthians não fez um jogo brilhante, embora tenha dominado a partida. O Paulista armou um ferrolho, com sua defesa muito bem postada e abusou da violência, com entradas duras e muitas faltas. Tanto bateram que conseguiram tirar o Romarinho do jogo.
Nossos jogadores sentiram as pernas pesarem no 2º tempo e diminuíram o ritmo, mas, devido à sua superioridade técnica, continuaram superiores no jogo. Mesmo assim, o gol não saia e a torcida sofria. Assombrada pelo fantasma dos empates recorrentes, cheguei a temer pela volta do pesadelo, o que, felizmente, não ocorreu. 
Aos 33 minutos da etapa final Emerson recebeu de Rodriguinho e cruzou certeiro na cabeça do Guerrero que subiu bem e cabeceou no canto direito de Juliano para abrir o placar.
Mas, se no 2º tempo faltaram pernas para alguns, durante o jogo não faltou disposição nem movimentação e os alvinegros mandaram na partida durante todo o tempo, levando perigo à meta de Juliano. Tomaram a iniciativa do jogo, criaram muito, mas erraram nas finalizações. Deram pelo menos 18 chutes a gol, mas só 7 atingiram o alvo e só 1 foi convertido. Compreensível no início de temporada, principalmente com o arremedo de pré temporada do futebol brasileiro. Méritos também para o goleiro Juliano, que fez boas defesas.
Com os laterais avançando mais e com os jogadores de frente sem tanta obrigação de marcação, o time ficou mais ofensivo, o futebol menos burocrático e mais emocionante. O jogo ficou mais aberto, os setores mais definidos e a defesa vai ter que ficar mais atenta, pois já não poderá contar com a marcação dos atacantes, que estão focados na sua função específica, fazer gols.
Mano Menezes aprovou o desempenho dos seus comandados e afirmou que já previa dificuldades devido às condições físicas do elenco no início da temporada e pela qualidade do adversário.
“O Paulista tem uma defesa muito bem postada, com um goleiro que faz excelentes intervenções. Eles já tinham feito um bom jogo contra o Audax e também exigiram muito da nossa defesa. A gente sabe o nível técnico que tem a competição. É por isso que digo que temos de fazer a nossa parte bem. Caso contrário, não ganhamos de ninguém”, comentou o técnico.
Mas, apesar de aprovar o desempenho dos jogadores, ele considerou que o triunfo poderia ter sido menos suado se algumas das oportunidades criadas no primeiro tempo fossem aproveitadas.
Concordo com o técnico e espero que no decorrer do campeonato essas deficiências deixem de existir, que melhore o entrosamento entre os jogadores e que o fôlego permaneça durante os 90 minutos. Vencer dois jogos seguidos e finalizar 18 vezes num único jogo é um progresso em relação ao time que empatou 31 vezes em 2013, sendo 15 empates por 0 a 0 e que no Brasileirão perdeu do Náutico e foi goleado pela Portuguesa. Acredito que o Corinthians já está voltando. Voltando a treinar forte, voltando a criar, voltando a atacar. E voltando a ganhar.
Com o resultado, o Timão vai a seis pontos e lidera o Grupo B e o Paulista, com apenas um, está em terceiro no Grupo C, fora da zona de classificação. A equipe do Parque São Jorge voltará a jogar no próximo sábado, às 21 horas (de Brasília), no Pacaembu, contra o São Bernardo.
Resumo do jogo
Ficha Técnica - Corinthians 1 X 0 Paulista
Local: estádio Décio Vitta, em Americana
Data: 22 de janeiro de 2014, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza
Assistentes: Rogério Pablos Zanardo e Alexandre Basílio Vasconcellos
Cartões amarelos: Emerson (Corinthians); Ewerton Pereira, Jeff Silva e Mineiro (Paulista)
Gol: Guerrero, aos 33 minutos do segundo tempo
Corinthians: Walter; Diego Macedo, Gil, Paulo André e Uendel (Felipe); Ralf, Guilherme, Rodriguinho e Danilo (Alexandre Pato); Romarinho (Emerson) e Guerrero; Técnico: Mano Menezes
Paulista: Juliano; Raul, Diego Santos, Gian e Jeff Silva; Mineiro, Ewerton Pereira, Lusmar e Dinélson (Esquerdinha); Patrick (Tiago Cavalcanti) e David Batista (Jô); Técnico: Giba

Créditos e fontes de imagens
esportes.terra.com.br
globoesporte.globo.com
gazetaesportiva.net
globoesporte.globo.com
Luciano Claudino/Agência O Globo/diariosp.com.br
Daniel Augusto Júnior/Agência Corinthians/gazetaesportiva.net
esporte.uol.com.br
esporte.uol.com.br
esportes.terra.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário